terça-feira, 8 de março de 2016

quinta-feira, 3 de março de 2016

Paranatama - Mães corujas unidas contra o mosquito Aedes aegypti





O Círculo de Educação e Cultura (CEC) de Paranatama está junto com o Canto Mãe Coruja na luta contra o Mosquito Aedes aegypti, transmissor do vírus da Dengue, Chikungunya e Zika.

No dia 19 de fevereiro foi realizado o 1º Aulão do Módulo Mulher, no CEC que funciona na Secretaria da Mulher, com o tema Mães Corujas atentas e unidas no combate ao mosquito.
A palestra foi ministrada pela enfermeira Tatiele, com o apoio de alguns Agentes Comunitários de Saúde e da técnica do Canto, com a finalidade de orientar e esclarecer as participantes sobre os cuidados necessários que se devem ter contra o mosquito, já que esse é um dos principais problemas de saúde nacional. Na ocasião, foram apresentados slides e vídeos informativos e foram tiradas muitas dúvidas do público presente.

Evento muito importante e que fez com que as participantes se tornassem multiplicadoras dessas ações em suas casas e nas comunidades.Unidas seremos mais fortes no combate a esse mosquito devastador.




Matéria: Profissionais do Mãe Coruja em Paranatama

Sertão do Moxoto - Blocos carnavalescos para divulgação dos aulões para mães corujas



Tupanatinga

Carnaval é sinônimo de alegria e folia, mas a folia é diferente em tempo de dengue, zika e chikungunya: temos que nos divertir e advertir. E é por isso, que o Programa Mãe Coruja nas cidades de Tupanatinga, Pedra, Custódia e Buíque, em parceria com as secretarias municipais, saiu foliando com as mães, crianças, professores e coordenadores dos Círculos de Educação e Cultura (CECs) e técnicos do Canto Mãe Coruja pelos bairros e ruas das cidades.

Pedra

Houve distribuição de panfletos e convites para o Aulão que tratará da tema Mães corujas atentas e unidas no combate ao mosquito.


Custódia

Foram momentos de descontração entre as famílias, momentos onde se buscou fortalecer a interação e a cultura carnavalesca que em muitos lugares está adormecida.     O Mãe Coruja levou as famílias para a rua, os enfeites estavam no brilho do olhar das mulheres e crianças e a comunidade acolheu bem o movimento.


Buíque

As concentrações aconteceram em lugares estratégicos, como Secretaria de Saúde, praça pública e bairros onde os ACS (Agentes Comunitários de Saúde) encontraram muitos focos de mosquitos. O movimento, além de trabalhar com a autoestima das mulheres e crianças, cumpriu com seu papel social.
Com essa animação iniciamos os nossos trabalhos em 2016.





Matéria: Profissionais do Mãe Coruja em Arcoverde, Tupanatinga, Pedra, Custódia e Buíque

           





Venturosa - Importância do Pré natal. Estou Grávida e agora?



O canto Mãe Coruja Venturosa em parceria com a Unidade Básica de Saúde (UBS) Maria Lenice, realizou a Iª roda de conversa com as gestantes, onde foi discutido o tema citado à cima ministrado pela enfermeira da unidade, expondo a importância do acompanhamento durante o período gestacional, quais os mitos e verdades que ocorrem durante a gestação, elas também puderam contar suas experiências vividas em outras gestações e tirar suas dúvidas e receios no período gestacional. Foi abordado também a importância da realização dos exames, vacinas e ultra-sonografia, salientando a importância de ter uma alimentação saudável durante a gestação e após o parto a realização da puericultura e do aleitamento materno exclusivo.
A roda de conversa foi realizada no dia 24/02/2016, onde participaram 6 gestantes.



Matéria: Profissionais do Mãe Coruja em Venturosa

quarta-feira, 2 de março de 2016

Em Correntes, mães corujas se unem contra o mosquito





             No mês de fevereiro deste ano os Círculos de Educação e Cultura (CECs) realizaram aulão sobre o combate ao mosquito Aedes aegypti, na Escola Clarice Godoy, com palestra da agente de saúde Maria Auxiliadora, e no distrito de Poço Comprido, com palestra da técnica do Canto Mãe Coruja Natálye Fernanda Leão da Silva. Os eventos reuniram cerca de 30 alunas dos CECs. 
O tema abordado caracterizou para as educandas do Círculo um momento de reflexão sobre a prevenção e o combate ao mosquito. A palestra foi marcada com o objetivo de incentivar as mães corujas a integrar a luta contra o transmissor da Dengue, Zica e Chikungunya. Durante a palestra foram apresentadas as principais formas de se prevenir e de eliminar os focos do mosquito com encenação amostra de locais de moradia, com roda de conversa, explanação de medidas a serem tomadas diante da própria casa e os cuidados com os sintomas das doenças.
       
     
       Outro momento marcante foi transmitir conhecimento para gestantes presentes sobre o Zica Vírus, tirando todas as dúvidas que pudessem vir a ter e, principalmente, falando sobre os cuidados que devem tomar diante dos casos de microcefalia. O momento foi bastante produtivo para as mães corujas que estiveram presentes. 






Matéria: Profissionais do Canto Mãe Coruja Correntes - Carla Calado, Natálye Fernanda


Afrânio - Gestantes e Puérperas recebem orientação sobre Pré-natal, Parto e Pós-parto








A gestação e o parto são acontecimentos que marcam a vida da mulher, podendo ser positivos ou negativos, dependendo, entre outros fatores, das orientações e dos cuidados recebidos nesse período. Em busca de melhor assistir permanentemente suas gestantes, o canto mãe coruja de Afrânio promoveu uma palestra no último dia 25. O evento foi realizado no Posto de Saúde da Família (PSF) de Cachoeira do Roberto, com apoio dos profissionais da unidade.

A palestra reuniu enfermeiros, médica, além das gestantes em busca de orientação e atualização no assunto. O tema tratado durante o encontro foi apresentado pela técnica do canto mãe coruja, médica e enfermeiro que abordaram o papel da família, o desenvolvimento da gestação, hábitos de vida saudáveis, nutrição da gestante, exames, sintomas do parto, orientações para a amamentação, cartão da gestante e caderneta de saúde da criança.

Ao final do evento, todas as gestantes e puérperas foram presenteadas com a fábula atribuída ao surgimento da expressão “mãe coruja”.







Matéria: Profissionais do Canto Mãe Coruja em Afrânio - Gicélia Maria dos Santos, Raimunda dos Humildes Rodrigues de Macedo



Terra nova - Aulão ensina a combater o Aedes aegypti


O Programa Mãe Coruja – em Terra Nova, em ação dos Círculos de Educação e Cultura (CECs), realizou na Unidade de Saúde da Família II, no  dia 22 de fevereiro, o aulão com o tema Mães corujas atentas e unidas no combate ao mosquito com o objetivo de orientar as mulheres cadastradas no programa e a população em geral quanto aos perigos que o mosquito Aedes Aegypti pode causar, bem como as medidas de prevenção para garantia da saúde.
Muitas ações estão sendo executadas em combate ao Aedes Aegypti, em outras Unidades de Saúde da Família, até mesmo em área rural, deixando toda a população esclarecida e fazendo de cada mulher cadastrada no Canto Mãe Coruja uma multiplicadora de informações sobre as doenças provocadas por esse mosquito.
O clima da atividade foi de muita atenção e participação ativa, onde muitos questionamentos foram feitos e atendidos de forma clara e objetiva. A palestra foi ministrada pelas agentes comunitárias de Saúde Ana Maria e Gisonilda Xavier, que concluíram o tema abordado na peça teatral apresentada pelos estudantes da Escola Estadual Gumercindo Cabral: A originalidade do mosquito.
O ponto alto do evento se deu com sucos e alimentos produzidos pelas educadoras conforme orientação que tiverem em oficina nutricional realizada no Canto Mãe Coruja em 1 de fevereiro. Já o Aulão contou com a participação 12 estudantes atores, 7 Agentes Comunitários de Saúde, 15 mães corujas, 5 crianças, 2 representantes do Conselho Tutelar, 1 agente de endemias, 4 educadoras dos CECs e 1 técnica do Canto Mãe Coruja.

Matéria: Profissionais do Mãe Coruja em Terra Nova


Itapetim - Mães Corujas e município contra o Aedes aegypti






O Canto Mãe Coruja de Itapetim realizou, no dia 18 de fevereiro, no Posto de Saúde da Família (PSF) Maria Limeira, a abertura do Aulão Módulo I Mulher, além de palestras com o coordenador da Equipe de Endemias, apresentação de slides, seguida de passeata pela rua central da cidade de Itapetim com a entrega de panfletos, carro de som com exibição de faixas e cartazes tendo como tema o combate ao Aedes aegypti. O título do aulão é "Mães corujas atentas e unidas contra o mosquito".
A palestra foi relacionada à conscientização da população para que se tenha cuidado com os focos e proliferação do mosquito, às doenças relacionadas transmitidas pelo vetor: Dengue, Zika e Chikungunya, a microcefalia e suas sequelas.


O Aulão contou com a participação dos agentes comunitários de saúde, CRAS, agentes de endemias, Secretaria de Saúde de Itapetim e as mães corujas do CEC. O evento contou com 40 participantes ao todo.






Matéria Profissionais do Mãe Coruja em Itapetim



Carnaíba - Mães unidas no combate ao mosquito






O período da gravidez é uma etapa da vida das mulheres em que são necessários cuidados especiais. Nesse intuito, a equipe pedagógica dos Círculos de Educação e Cultura (CECs) e o Canto Mãe Coruja em Carnaíba desenvolveram o aulão inaugural do módulo I com o tema “Mães corujas atentas e unidas no combate ao mosquito”.

A ação foi realizada no CEC do alto de Santa Lúzia. Ao todo, participaram 15 mulheres cadastradas no Mãe Coruja. Primeiramente, houve a apresentação do tema e dos profissionais envolvidos no evento. Em seguida, a leitura reflexiva do texto: “Estar gravida é...” acompanhada do tema“ser mãe é acompanhar todo o desenvolvimento de seu filho, vê-lo dar os primeiros passos, é maravilhoso!”.

A enfermeira Renna Jaina Barreto, palestrante no evento, tratou da temática central: “Mães corujas atentas e unidas e unidas no combate ao mosquito”. Além disso, ela esclareceu a dúvidas que surgiam das participantes. “A melhor forma de combater as doenças transmitidas pelo Aedes aegypti é justamente evitar o acúmulo de água parada em garrafas, plantas, caixas d’ água e outros reservatórios. Tudo isso deve ficar sempre tapado”.

Após o fim da palestra, iniciou-se a dinâmica “matar o mosquito”, cujo objetivo foi desenvolver a concentração e a agilidade individual e a cooperação entre os membros do grupo.

Matéria: Profissionais do Mãe Coruja em Carnaíba