sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Mãe Coruja do Ipojuca faz grande agito com as crianças de Camela


Estação Criança agitou o sábado  em Camela



    Todas as tendas temáticas das secretarias atuantes foram procuradas, nelas atividades recreativas e educativas. Os gestores e servidores da Prefeitura do Ipojuca se empenharam para o sucesso do primeiro dia da Estação Criança ano II, realizada neste sábado (11), em Camela e o público atendeu o chamado. Pais, mães e responsáveis compareceram com seus filhos e a família à programação.
     
A criançada contou com espaços dedicadas à recreação, contação de
estórias, teatrinhos, oficina de pintura de rosto, jogos recreativos, além de judô, karatê, piscina de bolas, rapel e pula-pula. A garotada também curtiu o cineminha na Praça com a exibição do filme “Rio” e a presença de recreadores que a todo momento chamavam as crianças para as brincadeiras

    A costureira Maria Aparecida, moradora de Rurópolis, levou os quatro filhos para a diversão e aprovou mais uma vez a iniciativa em oferecer brincadeiras sadias para a garotada. “As crianças já estão me pedindo para irmos no próximo final de semana, à Estação na Sede, já estou me organizando para isso, não perderemos. Tudo está maravilhoso, um sucesso. ”, destacou Aparecida
Todas as tendas temáticas das secretarias atuantes foram procuradas, nelas atividades recreativas, educativas e com abordagem para o uso correto da reciclagem. As meninas buscavam oficinas de pintura de dedo e no rosto e os meninos se divertiam no pula-pula, mas os objetivos eram os mesmos: diversão até cansar. O momento da distribuição de pipoca, pirulito, refrigerante e lanche também foi bastante festejado.
        No dia 19, A Estação Criança será em Ipojuca-Sede e no dia 25, em Nossa Senhora do Ò, todas as atividades são gratuitas, a partir das 14h e se estendem até às 20h. O evento com a coordenação do Programa Mãe Coruja conta com o apoio das secretarias de Educação, Turismo e Cultura, Bem Estar Social, Meio Ambiente, da Mulher



Matéria: Secretaria de Comunicação & Imprensa
(81) 3551.1156 | 1147 | 1296 - Ramal: 205
Ceça Britto - Secretária de Imprensa e Comunicação: 9269.8486
Christiane Huggins - Diretora de Jornalismo: 9299.7986 / 9106.1098
Tádzio Estevam - Gerente de Jornalismo: 9714-0849 / 9268 6287
Márcio Santana - Repórter: 8747-5890
Tatiane Accioly - Repórter: 9401.8363


 Revisão: Setor de Comunicação e Arte do Programa Mãe Coruja Pernambucana

Notícias de municípios da VIII regional do Programa Mãe Coruja Pernambucana - Sertão do São Francisco


                                                                         Cabrobó
Mãe Coruja realiza III aulão com o tema: "Ser pai coruja é..." amar, cuidar e educar os filhos!


As  profissionais do Programa Mãe Coruja no município de Cabrobó organizaram e realizaram o III aulão para iniciar o trabalho com o eixo família. O evento ocorreu no dia 28/09 em parceria com a Escola Estadual Senador Paulo Guerra, onde teve colaboração do pastor da 1ª igreja Batista: José Porto, que ministrou uma palestra com o tema família e a responsabilidade dos pais no educar os filhos.  O tema: “Ser pai coruja é...” (amar, cuidar e educar os filhos!) rendeu uma roda de conversa com os pais, as mães e as avós que estavam presentes ao evento. Se deu o início do aulão com a apresentação da jornada pedagógica com o tema do evento, foi realizada uma dinâmica de acolhimento e cantando todos juntos a oração da família. Em seguida o Pastor José Porto ministrou a sua fala com muito entusiasmo e compromisso, convidando todos a participarem da conversa e registrarem suas expectativas. No mesmo local da palestra foi organizado um espaço de brincadeira e aprendizagem para as crianças, enquanto seus pais ouviam e participavam da palestra. 
Como forma de agradecimento foi organizada uma deliciosa feijoada para servir a todos ao final do evento.  Também se entregou para cada participante um chaveiro em formato de coruja como lembrança deste agradável momento. A realização deste III aulão  cumina com a importância da família para a criação dos filhos e com a proposta do Programa Mãe Coruja: cuidar da gestante, da criança e da família, oferecendo condições de integração e sustentabilidade.



Matéria: Profissionais do Mãe Coruja em Cabrobó 
 Revisão: Setor de Comunicação e Arte do Programa Mãe Coruja Pernambucana


                                              

Saúde do idoso é tema de palestra no Círculo de Educação e Cultura  do município de Cabrobó





     No dia 25/09 a professora do Círculo de Educação e Cultura do município de Cabrobó, Maria Lenilda, organizou uma palestra com André Luiz Cavalcanti, fisioterapeuta do município, que falou sobre a saúde do idoso e os cuidados com as atividades físicas e a alimentação nesta fase da vida, para se ter uma boa saúde também na velhice. O palestrante também entregou um folheto da melhor idade com dicas para um envelhecimento saudável, ele interagiu com os idosos de forma alegre e descontraída, fazendo todos se sentirem bem à vontade e animados a participarem da conversa.        O evento aconteceu na academia da saúde do bairro subestação, onde funciona o CEC; participaram deste momento as mães cadastradas no CEC e seus familiares idosos. Durante a palestra a professora fez algumas intervenções com a leitura deleite: O velho e o neto, um texto reflexivo que nos faz pensar em como estamos tratando nossos idosos e o que estamos ensinando as nossas crianças. Todos os participantes, de pé, puderam cantar o hino: conquistando o impossível. Como forma de reafirmar seus objetivos e desejos. Este momento de palestra e roda de conversa foi encerrado com a dinâmica: o abraço salvador, como forma de reflexão sobre o que fazemos para ajudar os outros na caminhada da vida. Com este momento queremos reafirmar o objetivo do Programa Mãe Coruja: cuidar da saúde de toda a família, por meio de intervenções e informações.






Matéria: Profissional do Mãe Coruja em Cabrobó Maria Lenilda de Souza Mororó –  CEC 
Revisão: Setor de Comunicação e Arte do Programa Mãe Coruja Pernambucana
    




                                           Orocó

          Mulheres do Mãe Coruja em Orocó se qualificam para o 
   mercado de trabalho e a geração de renda   




               O Programa Mãe Coruja Pernambucana através da Secretaria Estadual de Qualificação Trabalho e Emprego  e tendo como órgão executor o SESI, realizou durante a semana de 29 a 03/09/2014 a Oficina Cozinha Brasil e o Curso Administre Seu Dinheiro De Forma Consciente no município de Orocó.
   O curso foi vivenciado no Centro de Atividades Econômicas e teve início com o curso Administre "Seu dinheiro de forma consciente", cuja abordagem foi uma reflexão para que os participantes revissem seus gastos, pois os mesmos são motivados por um desejo ou uma necessidade e desta forma foi ressaltado que o primeiro passo para uma vida financeira mais saudável é iniciar um processo de mudança cultural dos hábitos de compra, consumo e costumes.
         No dia seguinte foi dada continuidade com a Oficina Cozinha Brasil ministrado por nutricionista e sua equipe. Esta oficina busca promover a educação alimentar com impactos positivos para a saúde e valorização da renda por meio do aproveitamento total dos alimentos.
Participaram 75 mulheres de várias localidades do município: indígenas, quilombolas, assentamentos, Projeto Brígida e sede.
As participantes tiveram a oportunidade de aprender na teoria e na prática várias receitas, onde futuramente poderão criar seu próprio negócio, gerando renda extra para ajudar nas despesas da família.
            Enquanto as mães participavam do curso, seus filhos participavam das oficinas do SESINHO,  que tem como objetivo o cuidado e preservação do meio ambiente, levando as crianças aprenderem a confeccionar brinquedos através de sucatas, além de participarem também de atividades recreativas.
O curso contou com o apoio do município.





 Matéria: Profissionais do Mãe Coruja em Orocó
 Revisão: Setor de Comunicação e Arte do Programa Mãe Coruja Pernambucana




                          Santa Maria da Boa Vista
 Mãe Coruja em   Santa Maria da Boa Vista participa de grupo de promoção da saúde 






    O Programa Mãe Coruja Pernambucana que tem como objetivo a prática e o incentivo ao trabalho intersetorial, participou junto ao município, através da coordenação do Núcleo de Apoio à Saúde da Família – NASF, de atividade para  aprofundar e fortalecer  parceria entre  setores,  juntamente com a atenção Básica promoveram uma reunião com as unidades de saúde para interação de profissionais no intuito de discutir o andamento e dos serviços e suas dificuldades, bem como programar atividades/ações para minimizar os problemas existentes em cada setor.
  O Encontro aconteceu na sala da coordenação da Atenção Básica, estando presentes representantes de setores como o Programa Mãe Coruja, CAPS, enfermeiros da ESF das agrovilas 15, 29 e 43 do Projeto Fulgêncio, ESF do Paulo Guerra, Santa Luzia e mandacaru, profissionais do NASF (fisioterapeuta, enfermeira, assistente sócia epsicólogo) Centro do Idoso, e Coordenação de Saúde Bucal (médicos e dentistas).
Na ocasião os profissionais representantes de setores explanaram seu funcionamento e dificuldades em viabilizar os serviços. Perante todos os fatores apresentados, o NASF se manifestou enfatizando o trabalho em conjunto e em rede para minimizar as dificuldades expostas, como é da prática do Mãe Coruja.
Para facilitar o serviço e o NASF poder auxiliar os setores necessitados de apoio, criou-se uma agenda com cronograma de atividades, onde foi estabelecido que a cada dia 20 os programas/setores enviarão ao NASF suas necessidades para que esta, na medida do possível, execute a atividade solicitada. Houve ainda sugestões de atividades que poderão ser realizadas em cada mês.
A Coordenação compartilhou casos gritantes. Mas também ofereceu dispositivos para o enfrentamento nos serviços oferecidos, como o caso do PTS – Projeto Terapêutico Singular. Onde viabiliza consultas compartilhadas e programadas entre os setores. Divulgou ainda o Fórum  da Saúde e a formação continuada dos profissionais da saúde.
O encontro foi marcado com diálogo, favorecendo o amadurecimento e o fortalecimento entre os setores municipais, promovendo descobertas e potencialidades existentes nos setores, bem como mostrou a real  necessidade do estreitamento das relações.
Assim finalizou o encontro acreditando que:


"Para realizar grandes conquistas, devemos não apenas agir, mas também sonhar; não apenas planejar, mas também acreditar."



Matéria: Silvana de Alencar Santos Técnica do Canto Mãe Coruja – Santa Maria da Boa Vista-PE
Revisão: Setor de Comunicação e Arte do Programa Mãe Coruja Pernambucana


                                             

Notícias de municípios da V regional do Programa Mãe Coruja Pernambucana no Agreste Sentetrional


                                    Jupi

  
   Círculo de Educação e Cultura e Canto Mãe Coruja Jupi 
realizam aulão com o tema “Ser pai é..."



    
   
Em 15 de setembro de 2014 foi realizado pelos profissionais do Mãe Coruja em Jupi, um aulão para encerramento do módulo “Criança” e início do módulo “Família”. Para falar sobre o tema “Ser pai coruja é...”, foi convidado o coordenador municipal do Programa Bolsa Família, aspirante de diácono pela Igreja Católica e pai de duas meninas, Reinaldo Gomes.

Durante a palestra, além de abordar tópicos como a importância do pai para a educação dos filhos, a necessidade da demonstração de afeto, a responsabilidade paterna em estabelecer regras de conduta e transmitir valores aos seus filhos, Reinaldo emocionou pais e mães presentes na palestra ao cantar as músicas Utopia e Oração da Família.
Após muitas lágrimas, alguns pais presentes pediram a palavra ao microfone para fazer declarações de amor às suas esposas e filhos. Para encerrar o evento as mulheres do CEC receberam o certificado de conclusão do módulo Criança e entregaram aos seus respectivos esposos um singelo certificado de “Pai Coruja 2014”.




Matéria: Profissionais do Mãe Coruja em Jupi: Angélica Sabrina dos Santos Azevedo e Edjane Maria da Silva
Revisão: Setor de Comunicação e Arte do Programa Mãe Coruja Pernambucana


O Mãe Coruja em Jupi,  promove ações de incentivo ao aleitamento materno







O mês de agosto foi abrilhantado no Canto Jupi pela realização de ações intersetoriais direcionadas ao incentivo ao aleitamento materno.       A primeira delas foi realizada no dia 05 de agosto em parceria com o Centro de Referência de Ação Social (CRAS) e a Atenção Básica do município. Na ocasião a Psicóloga Natália Cosme abordou a importância do aleitamento e do contato com a mãe para o desenvolvimento da criança. A enfermeira Luana Carvalho expôs os benefícios do aleitamento exclusivo até o sexto mês de vida do bebê, como preparar-se para amamentar, posições mais confortáveis para mãe e criança durante a mamada e higienização. E, Por fim, o agente comunitário de saúde (ACS) Cícero Faustino falou sobre a importância do apoio paterno para o aleitamento.

        No dia 25 de agosto, para fechar o mês com chave de ouro, profissionais  do Canto Jupi Angélica e Edjane, realizaram palestra na Associação dos Sítios Miné, para tratar da importância do pai durante a amamentação, mostrando que a figura paterna é indispensável para o desenvolvimento físico e psicológico da criança


Matéria: Profissionais do Mãe Coruja em Jupi
Revisão: Setor de Comunicação e Arte do Programa Mãe Coruja Pernambucana


                                          
                                                             Saloá

     Mãe Coruja participa da Iª "Feira do Coração" do município de Saloá-PE




       O Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF/Saloá-PE), através da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com o Canto Mãe Coruja Saloá-PE, realizaram a Iª FEIRA DO CORAÇÃO 2014, com intuito de orientar a comunidade em geral sobre os riscos ligados a problemas cardíacos, uma vez que de acordo com a Sociedade Brasileira de Cardiologia, as doenças cardiovasculares (DCV) - o que inclui doenças cardíacas e acidente vascular cerebral (AVC) – afetam pessoas de todas as idades e grupos populacionais, incluindo mulheres e crianças. As DCV's atualmente causam 17,3 milhões de mortes a cada ano, onde 80% destas ocorrem em pessoas de baixa e média renda, tornando-se a causa número um de mortes no mundo. E as principais causas são tabagismo, colesterol alterado, hipertensão arterial, inatividade física ou sedentarismo, sobrepeso ou obesidade, diabetes e alimentação inadequada. Em gestantes os riscos ligados às doenças cardíacos tendem a ocorrer na hora do parto, podendo levar a mulher e até a criança a morte.       
     Esta atividade ocorreu no dia 30/09/2014, com a presença de gestantes, idosos e profissionais de saúde do município  na academia da cidade.
Participaram desta atividade aproximadamente 65 pessoas entre gestantes cadastradas no programa mãe coruja Saloá-PE, idosos e profissionais de saúde.
      Os parceiros envolvidos neste evento foram: secretaria de saúde, NASF e Canto Mãe Coruja.
Portanto, realizar esta feira dedicada o dia nacional do coração foi sem dúvida de extrema importância, uma vez que neste dia especial realizamos palestras sobre os riscos ligados as doenças cardiovasculares provenientes de uma alimentação inadequada, ausência de atividades físicas, automedicação, enfim, cuide-se: o coração agradece! Pois amor pela vida é cuidar do seu coração.



Matéria: Profissionais do Mãe Coruja em Saloá Alex Diniz Silva e Flávia Veloso
Revisão: Setor de Comunicação e Arte do Programa Mãe Coruja Pernambuco





                                                 Palmeirina


Programa Mãe Coruja em parceria com o município realiza atividade com o tema "Gravidez na adolescência


O Canto Mãe Coruja no Município de Palmeirina realizou nos dias 16 e 30 de setembro de 2014 a palestra referente ao tema: Gravidez na Adolescência. Esta atividade aconteceu na zona rural, no PSF Bananeiras e na zona urbana na Escola Mons. Júlio de Siqueira do município. Teve como público, mulheres cadastradas no Canto Mãe Coruja e adolescentes. A palestra teve como objetivo identificar o contexto da gravidez na adolescência na atualidade, a partir de aspectos quantitativos e qualitativos, visando orientar sobre a importância da prevenção.
É importante ressaltar a parceria das Secretarias de Educação e Secretaria de Saúde, Círculo de Educação e Cultura como também das Enfermeiras Maíra e Rafaela e do Conselho Tutelar que ministraram as palestras.
                                                                                 

Matéria: Profissionais do Mãe Coruja em Palmeirina
Revisão: Setor de Comunicação e Arte do Programa Mãe Coruja Pernambuco


quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Programa Mãe Coruja em Xexéu, através dos Círculos de Educação e Cultura promove ações de estímulos ao vínculo afetivo com os pais através do tema"Ser pai é..."


             No dia 09 de setembro de 2014, foi realizado o “Aulão” de abertura do módulo III Família, tendo como tema: "Ser Pai Coruja é..." Esta é mais uma ação do Programa Mãe Coruja em Xexéu através da Secretaria de Educação do Estado executada pelos Círculos de Educação e Cultura.  O evento aconteceu no Canto Mãe Coruja  de Xexéu. 
     As palestras foram conduzidas de forma bem envolvente, onde foram abordados questões de cunho familiar, destacando a importância da presença do “Pai” durante o processo de desenvolvimento educacional da criança. O sucesso do evento se deu a partir de todo um processo de planejamento, articulação e intensificação nas ações de busca ativa domiciliar para a entrega de convites e para  garantir do público esperado. Após a realização deste evento é possível avançar no que diz respeito ao desenvolvimento para um trabalho voltado às questões sociais do “Eixo família”.




Matéria: Profissionais do Mãe Coruja em Xexèu- Antônio Carlos e Cláudia (Canto)/Genilva (CEC) e Ana (Atendente)
Revisão: Setor de Comunicação e Arte do programa Mãe Coruja Pernambucana

Mãe Coruja em Catende, IPA e Pastoral da Criança incentivam as mulheres cadastradas à uma alimentação saudável





     No início deste ano o Programa Mãe Coruja Pernambucana em Catende passou a receber  alimentos através do IPA, que são servidos no lanche das mães e crianças Corujas cadastradas que participam dos Círculos de Educação e Cultura. Mediante a aquisição destes alimentos que o Programa recebe, a Professora tem planejado aulas diferenciadas com o objetivo de proporcionar às mães do Programa a refletirem quanto aos seus hábitos alimentares.

     No decorrer do processo de atividades nos Círculos de Educação e Cultura são repassados conhecimentos sobre as vitaminas e nutrientes que cada alimento contém, levando-as a terem no seu cotidiano uma alimentação saudável na gestação, na amamentação e na primeira infância.   Durante os Círculos de Educação e Cultura,  as Professoras levam como  lanche,novas receitas para serem apreciadas, degustada e depois orientadas para que as participantes dos Círculos  possam fazer esses alimentos em suas casas.
      Uma grande contribuição também tem sido da Pastoral da Criança do qual recebemos o Jornal ,que contém várias dicas de saúde e alimentação. No mês de março o referido Jornal  orientou  uma receita de Torta de Macaxeira, e também as Professoras fizeram a receita do Bolo de macaxeira no liquidificador. Contribuindo assim para que elas tenham o desafio de realizarem uma alimentação diferenciada e terem conhecimentos sobre o alimento trabalhado.
   




Matéria: Profissionais do Mãe Coruja em Catende - Claúdia Freitas e Vasti Barbosa (Canto) e Izaura Lopes (CECs)
Revisão: Setor de Comunicação e Arte do programa Mãe Coruja Pernambucana


quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Notícias de municípios da V regional do Programa Mãe Coruja Pernambucana, Garanhuns, sobre gravidez na adolescência

       Terezinha


No mês de Setembro, o Canto Mãe Coruja Terezinha trabalhou o Tema: Gravidez na adolescência, um assunto de grande importância, tendo em vista o quantitativo de gestantes adolescentes, e os riscos para as mães e consequentemente seus bebês. Fica evidente a necessidade de informação para este público alvo.
Todos do  Mãe Coruja em Terezinha, em parceria com  Conselho Tutelar e Direção da Escola de Referência em Ensino Médio Monsenhor Alfredo Dâmaso, resultou em uma grande movimento com uma palestra  educativa no referido colégio para cerca de 150 alunos, contemplando as 3 turmas da 1° série do segundo grau,  na tarde do dia 16 de Setembro. 
A palestra ministrada pelas conselheiras do Conselho Tutelar teve a finalidade de alertar para os riscos de uma gravidez na adolescência, bem como para a importância do acompanhamento do serviço de saúde com o pré-natal adequado e planejamento familiar.  Para uma maior interação com os alunos, foi exibido um vídeo e realizada uma dinâmica para dramatizar dois relatos de caso de gravidez na adolescência. 
A Palestra foi de grande importância; um momento de partilhar experiências e reflexão pelos alunos e todos envolvidos.



























Matéria:  Profissionais do Mãe Coruja em Terezinha
Revisão: Setor de Comunicação e Arte do programa Mãe Coruja Pernambucana





                                                                          Jupi




       Considerando que a prevenção da gravidez na adolescência deve ser realizada sempre, no dia 29 de setembro de 2014 foi dado início ao projeto “Falando sobre gravidez na adolescência”, em parceria com a escola municipal Napoleão Teixeira Lima.
     Na ocasião, estiveram reunidos representantes dos professores, coordenação e direção da escola, juntamente com o Canto Mãe Coruja Jupi para conversar com pais e alunos do 6º ano sobre temáticas como comportamento no ambiente escolar e sexualidade.
    O Canto Mãe Coruja debateu o alto índice de gravidez na adolescência do município e explicou que será organizado um cronograma de atividades educativas a serem desenvolvidas sobre o assunto nas turmas do 6º ao 9º ano. 
  O Canto enfatizou ainda a importância da orientação familiar o mais cedo possível para evitar o aumento desse índice que já é alarmante, a responsabilidade dos pais e as consequências na estrutura física, psicológica e social de uma gravidez indesejada nesta fase.



Matéria:  Profissionais do Mãe Coruja em Jupi
Revisão: Setor de Comunicação e Arte do programa Mãe Coruja Pernambucana



                                              Correntes
                             


       No dia 22 de Setembro de 2014 às 10:30hrs,  foi realizada na Escola Jandira Pedrosa uma roda de conversa com os alunos das Turmas  do 5º ano com tema: Gravidez na adolescência.  Esse encontro foi realizado pelo Programa Mãe Coruja e tivemos a presença de 53 participantes. O tema foi enfatizado para os alunos, com intuito de esclarecer as causas e consequências de uma gravidez indesejável.
      Foi abordado também o método do preservativo, demonstrando a forma de usá-lo, como aliado na forma mais eficaz para prevenir DST (doenças sexualmente transmissíveis), como a Aids. Também foi abordado a responsabilidade de serem pais ou mães muito cedo e o risco à saúde física emocional de uma gravidez nesse período.
       Durante esse momento houve troca de informações tanto dos alunos como dos professores, favorecendo assim as atitudes que os jovens podem a vir a tomar para evitar a gravidez precoce. Diante desses fatos relatados, o objetivo principal foi estimular a reflexão e trazer mais consciência diante da prevenção de uma gravidez. 








Matéria: Profissionaisdo Mãe Coruja em Correntes - Carla Calado de Vasconcelos
Natálye Fernanda Leão da Silva
Revisão: Setor de Comunicação e Arte do programa Mãe Coruja Pernambucana