sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

É carnaval gente!

Um bom feriadão para todos e um carnaval cheio de muita paz, saúde, alegrias e brincadeiras


 
 
 
 
 
 

Matéria: Valmir Correia de Melo
Coordenador Regional do Programa Mãe Coruja Pernambucana 
II  e XII Região de Saúde II e XII Região de Saúde
Revisão : Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana







 
  

Canto Mãe Coruja e CRAS promovem Grupo de Gestantes no município de Ouricuri

 


O Canto Mãe Coruja em parceira com o Centro de Referência de Assistência Social do bairro Nossa Senhora de Fátima desenvolveram um projeto destinado ao acompanhamento contínuo das gestantes residentes neste bairro, promovendo ações de educação em saúde.


                Serão realizados dois encontros semanais, o primeiro já está agendado para o dia 10/03. Nestes espaços de discussão serão abordados temas que possam favorecer o aprendizado da gestante, fortalecer a corresponsabilidade na assistência pré-natal, parto e puerpério, além do fortalecimento dos vínculos afetivos. Destina-se também, a oportunizar às gestantes acolhida e promoção social inserindo-as nas atividades de cunho socioeducativas e psicossocial.


  
   Matéria: Leonia Carvalho de Moura
Coordenadora Regional - IX GERES
Programa Mãe Coruja Pernambucana
Revisão : Setor de Comunicação e Arte do Programa Mãe Coruja Pernambucana


 
 

 

Programa Mãe Coruja Pernambucana participa da Ocupação Social de Impacto do Programa Governo Presente de Ações Integradas para a Cidadania em Petrolina/PE




          
       As profissionais do Canto Mãe Coruja e dos CEC de Petrolina participaram da Ocupação Social de Impacto do Programa Governo Presente de Ações Integradas para a Cidadania no dia 30/11/2013 na Escola Estadual Professor Simão Amorim Durando no Bairro Rio Corrente e na Escola Estadual Antonio Padilha, no Bairro José e Maria no dia 22/02/2014. Na ocasião, as Profissionais do Canto Mãe Coruja e dos Círculos de Educação e Cultura fizeram exposição de atividades desenvolvidas nos Círculos, kits do bebê, banner, fotografias e panfletos para difusão do Programa.
    
O GOVERNO PRESENTE é um programa de garantias que possibilita aos cidadãos pernambucanos o conhecimento dos direitos, bem como ao acesso e exercício destes. Ao mesmo tempo em que consolida o Estado como o ente garantidor e executor destes direitos.
   
Foi um momento enriquecedor tanto para os profissionais envolvidos como para a população dos bairros José e Maria e Rio corrente que tiveram sua culminância no exercício da cidadania.

 
 
Texto: Claudia Regina Pereira de Souza – Técnica do canto de Petrolina
Cybelle Roriz Leite Ferraz – Técnica do canto de Petrolina
Dulcineide  Coelho Bezerra – Coordenadora Regional dos Círculos de educação e Cultura
Valdária Regia Andrade Gomes – Coordenadora Regional do Programa Mãe Coruja Mãe Coruja

Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana







quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Aulão do Círculo de Educação e Cultura em Macaparana



      


          A coordenação e professoras do Círculo de Educação e Cultura, Mãe Coruja, iniciaram o ano com muito trabalho. Organizaram uma palestra na rádio comunitária Macaparana FM, com o tema “Gravidez na Adolescência, como prevenir” com o enfermeiro Robson da UBS Cruzeta, também esteve participando do momento a gestora da Secretaria de Saúde municipal reforçando o trabalho desenvolvido pelo Programa Mãe Coruja Pernambucana e suas parcerias em seu município.

         Na ocasião, as profissionais do canto aproveitaram a oportunidade para realizar a entrega dos certificados dos cursos realizados em 2013 – Lancheteria e decoração de bolos e tortas, divulgando também o curso programado para 2014.


Texto:  Profissionais do Mãe Coruja em Macaparana
Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana

Trigêmeos nascem em Macaparana



  


                   Os trigêmeos de Patrícia da Silva Alves estão cada dia mais lindos e saudáveis.

      Cadastrada no Programa Mãe Coruja em agosto de 2013 no primeiro trimestre de sua gestação, quando surpresa retorna ao canto semanas depois e nos comunica ainda assustada- são três...
      Motivo de muita alegria, mas, também de cuidados especiais. A enfermeira do PSF Alvorada Thais e equipe Mãe Coruja em Macaparana, viram a necessidade de encaminhar para o posto de saúde com a atenção para sua gravidez de risco, assim, logo encaminhada ao IMIP recebendo todos os cuidados necessários.  Em 26 de dezembro nasceram. Passaram 35 dias recebendo cuidados no IMIP e agora em casa todos saudáveis ganhando peso e muito lindos. A mamãe um pouco cansada, não é brincadeira, 18 fraldas em uma só noite para trocar. Muita energia é necessária, mas sempre com a família para ajudar com as “tri vovós “ dando uma mãozinha .
      Cuidados ainda serão necessários, continuando o acompanhamento mensal no EMIP, as visitas da equipe do PSF – ACS , enfermeira, médica e Mãe Coruja de olho no desenvolvimento desse trio tão fofo.








Texto:  Profissionais do Mãe Coruja em Macaparana
Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Nasce o primeiro bebê acompanhado pelo Programa Mãe Coruja Recifense




 Lucas César veio ao mundo por meio de parto natural na Maternidade Professor Barros Lima. (Foto: Inaldo Menezes/PCR)
 
 
          Eram 21h50 de domingo quando Lucas César, o primeiro bebê assistido pelo Espaço Mãe Coruja Recife, criado pela Secretaria de Saúde do município, veio ao mundo pesando cerca de 3kg. O primeiro filho de Thayná Cristina Barbosa da Silva, de 19 anos, nasceu por meio de parto natural na Maternidade Professor Barros Lima, localizada em Casa Amarela, Zona Norte do Recife.
         “Eu nem esperava que ele viesse logo, mas ele é muito quieto, só faz dormir”, disse a mãe de primeira viagem. Thayná e Lucas continuarão sendo acompanhados pelos profissionais do Espaço Mãe Coruja, que tem como objetivo principal de reduzir a mortalidade materna e infantil no Município. Lucas terá assistência até os 5 anos, enquanto Thayná receberá orientações e apoio sobre questões como amamentação, imunização, realização de exames, inclusão social, entre outras.
        A mãe recebeu das mãos de da coordenadora do Programa Mãe Coruja Recifense , Mirtes Araújo, o kit Bebê. “Ela está recebendo um kit com o material necessário para os primeiros cuidados com o bebê, incluindo banheira, bolsa e fraldas. Para nós é uma alegria ver o Lucas ter nascido com tanta saúde”, disse Mirtes.
       O Programa é baseado na experiência de sucesso do Mãe Coruja Pernambucana, criado em 2007. Em seis anos de atuação do Programa estadual, os índices de mortalidade infantil caíram de 25% para 15% em 103 municípios. 
     Água Fria foi o primeiro bairro a receber o Programa. A cidade contará, inicialmente, com dez Espaços Mãe Coruja que serão implantados até o final do primeiro semestre. Os bairros foram selecionados com base nos critérios das condições de saúde e de vulnerabilidade social da população, onde mães e recém-nascidos apresentam maior risco de morte.

Mortalidade materna – Conforme dados do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM), a mortalidade materna observada na RMR entre os anos de 2001 a 2012 comportou-se de forma irregular, passando de 39,8 óbitos para cada 100.000 nascidos vivos, em 2001, para 75,3 em 2012 Quando analisado por Distrito Sanitário (DS) de residência, verifica-se uma razão levemente acentuada no DS I, seguido dos DS III e II, a serem priorizados pelo Mãe Coruja Recife.

Texto: Profissional do Mãe Coruja Recifense - Carmen Sandra Albuquerque
Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana

|

 

Direitos da Criança e do Adolescente serão mais garantidos em seu Estatuto

Nota ao leitor
      "O Programa Mãe Coruja Pernambucana tem como objetivo garantir a atenção integral às gestantes usuárias do Sistema Único de Saúde e seus filhos até 5 anos, criando uma rede solidária para redução da mortalidade materna e infantil além da melhoria de indicadores sociais, através de ações articuladas entre os eixos de saúde, educação e desenvolvimento social.

     Todas as ações do Programa são realizadas em parceria com os municípios e a sociedade, procurando fortalecer os vínculos afetivos e garantir às crianças nascidas em território pernambucano o direito a um nascimento e desenvolvimento saudável e harmonioso."

     Neste sentido, o Programa este ano, além de continuar desenvolvendo a mesma rotina de cuidado com a mulher e a criança, está trabalhando  mais  em direção ao seu crescimento e desenvolvimento saudáveis e perseguindo  garantir mais e mais seus direitos. Para ajudar neste foco, estamos disponibilizando  documento importante sobre a modificação do 1º art. do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), que ainda será votado, através do site abaixo.

Gerência  e Setor de comunicação e Arte de Comunicação e Arte do Programa Mãe Coruja Pernambucana


                             O Congresso Nacional decreta:

                  Art. 1º O artigo 1º, da Lei 8.069, de 1990, passa a ter a seguinte redação:




"Art. 1º. Esta lei dispõe sobre a proteção integral, a promoção e a participação da criança e do adolescente, nos termos da Convenção sobre os Direitos da Criança, das Nações Unidas, ratificada pelo Brasil em 24 de setembro de 1990, da Constituição da República Federativa do Brasil e deste Estatuto...
  
  http://www.camara.gov.br/proposicoesWeb/prop_mostrarintegra?codteor=1214724&filename=PL+6998/2013


terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Secretaria de Trabalho Qualificação e Empreendedorísmo divulga curso para Carnaubeira da Penha



        A STQE informa que durante a semana do dia 24 a 28/02/14 serão abertas inscrições para curso do Programa Novos Talentos, oferecido no município de Carnaubeira da Penha que abrange o Programa Mãe Coruja:
- Carnaubeira da Penha:
Curso: Operador de Motoniveladora (SENAI);
Carga horária: 128h;
Número de vagas: 20 (manhã); 20 (tarde);
Matrícula: 10/03/14 (Local: Escola Maria Pires Soares. Rua Manuel Freire da Silva, S/N, Centro).
Previsão de início das aulas: 17/03/14 (Local: Escola Maria Pires Soares. Rua Manuel Freire da Silva, S/N, Centro).
      As inscrições e demais informações sobre os cursos se encontram no site da STQE (www.stqe.pe.gov.br), e devem ser realizadas no horário das 8h do primeiro dia às 12h do último dia de inscrição, através do link http://sistemas.stqe.pe.gov.br/inscricao.
    Após inscrição em qualquer um dos Projetos, o candidato (que deve possuir idade mínima de 18 anos) deverá comparecer para realização de matrícula, conforme informado no momento de sua inscrição, e portando originais e cópias dos seguintes documentos:
 - Protocolo de Confirmação de Cadastro emitido após a inscrição on-line;
 - RG;
 - CPF;
- Comprovante de Residência;
 - Comprovante de Escolaridade;
- Declaração de Baixa Renda, a ser preenchida de próprio punho no ato da matrícula.
 Obs.: Para os cursos de Aperfeiçoamento, com carga horária inferior a 160h, os alunos deverão comprovar ou assinar declaração que possui experiência na área do curso no momento da matrícula.
  Texto: Maíra Carla Cordeiro Ferreira
Técnica Apoio Agências
Secretaria de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo
Governo do Estado de Pernambuco
(81)3183-7043
Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana
 
    

 

 
 

 

Sertão do São Francisco - Mãe Coruja e todos no município mobilizados para reduzir óbitos maternos e infantis em Dormentes


          O Canto Mãe Coruja em Dormentes, com o apoio da Secretaria Municipal de Saúde,  GT Municipal e VIII Regional de Saúde, realizou dia 11 de fevereiro, uma oficina de vigilância ao óbito materno, fetal e infantil no município.
        
         A oficina teve como objetivo principal: a redução desses óbitos, bem como capacitar as equipes das USF`S na vigilância ao óbito, identificar os fatores de evitabilidade do óbito, reduzir o tempo de retorno da ficha de investigação domiciliar, ambulatorial e hospitalar, melhorando assim, o tempo oportuno de conclusão de investigação dos óbito.
       Além dos profissionais da atenção básica (médicos, enfermeiros, dentistas, ACS`S, técnicos de enfermagem, ACD`S), assim como, parte dos  profissionais do Hospital Municipal Nossa Senhora da Paz, também participaram da capacitação, totalizando 53 profissionais capacitados.
       Após explanação dos temas, os participantes foram divididos em 04 grupos e analisaram 4 estudos de casos.
    Os profissionais do canto aproveitaram a ocasião para apresentar o trabalho realizado e apresentado por eles no III Encontro do PMCP em Gravatá, que tem como tema: “Analisar os resultados imediatos e as medidas interventivas realizadas pela rede do município de Dormentes-PE no cuidado à gestante e criança, após a implantação do GT”.
     Assim como todos, o prefeito, o vice- prefeito, a secretária de saúde e técnicas da VIII regional de saúde,  estiveram presentes  nesta grande mobilização em favor da vida.






Texto:  Profissionais do Canto em Dormentes - Karla e Marcos
Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana
   

A 12ª reunião de monitoramento do Mãe Coruja no Moxotó termina em confraternização


                No dia 17 de dezembro o Programa Mãe Coruja Pernambucana na VI regional de saúde,  Sertão do Moxoto, realizou a 12ª reunião de monitoramento, analisando todas as ações realizadas pelo Mãe Coruja nos 11 municípios que compõe a VI regional, em apresentação pelos cantos da Sala de Situação do ano de 2013 e já pensando no Planejamento de 2014.

              Como já era também  momento de confraternização de fim de ano, a reunião foi realizada em um espaço aconchegante e um almoço bem caprichado. Cada profissional trouxe sua lembrancinha pra participar do amigo secreto e recebeu da Coordenação Regional do Programa um mimo de Natal !

O almoço foi animado, pra começar Janeiro de 2014 com muita alegria e disposição!

Texto: Coordenadora regional do Mãe Coruja Raquel Neposiano
Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana

Mãe Coruja em Buique tem momento de confraternização ao final de 2013



                O Canto Mãe Coruja em Buíque chegou ao final de mais um ano  com bastante entusiasmo e otimismo por parte das mulheres e crianças cadastradas no Programa. Ao mesmo tempo em que encerrou-se  suas atividades junto aos Círculos de Cultura, foi realizada uma grande confraternização contando com a parceria dos alunos do 3º ano da Escola Estadual Vigário João Inácio que  doaram cestas  básicas para as mães dos Círculos adquiridas através da arrecadação de donativos.  O evento ainda contou com a realização de atividades educativas e distribuição de lanches.





Texto: Profissionais do Mãe Coruja em Buique
Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana

2013 - A Comemoração de Natal dos Círculos de Educação e Cultura do Programa Mãe Coruja em Brejão


 
                   A comemoração de Natal dos Círculos de Educação e Cultura do Programa Mãe Coruja do município de Brejão, ocorreu no dia 23 de dezembro de 2013 e foi organizada pelas profissionais do Canto e dos Círculos de Educação e Cultura. . Também estiveram presentes Diretor, secretaria e técnicos da EREM – Professora Ismênia Lemos Wanderley e puderam transmitir às mulheres presentes, suas mensagens de paz e de compromisso com a própria saúde, educação, fortalecendo assim os laços afetivos e melhorando a qualidade de vida da família. A comemoração foi muito animada, houve depoimento das gestantes sobre a importância do Círculo de Educação e Cultura, mensagem de otimismo, bingo, lanche e sorteio de brindes para as gestantes e mães que formam o Círculo de Educação e Cultura.

Texto: Profissionais do Mãe Coruja em Brejão
Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana

Ibirajuba em 2013 - "Toda criança tem direito a lazer e divertimentos"


 

“Toda criança tem direito a lazer e divertimentos”, foi pensando em proporcionar momentos de descontração e muita alegria que   profissionais do canto Mãe Coruja em Ibirajuba, juntamente com as professoras dos Círculos de Educação e os profissionais do PSF, ofereceram três dias festivos, alusivos as comemorações do dia das crianças, com distribuição de pipocas, brindes, balas, bolo, refrigerante, aos baixinhos que compareceram cheios de energia.

            Foram apresentados, teatro de fantoches educativos mostrando a importância das crianças cuidarem bem dos dentinhos, exibição de filmes infantis educativos, brincadeiras, músicas e diversão a vontade.

            Foi gratificante vê alegria e felicidade estampadas no rostinho de uma geração sempre merecedora  de  homenagens, não só nesta data, mas o ano todo.




Texto: Profissionais do Mãe Coruja em Ibirajuba

Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana



terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Mãe Coruja é contemplado com o Programa de Aquisição de Alimentos (PPA) do IPA


       

             O Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) iniciou a compra de alimentos da agricultura familiar e distribuição dos produtos pelo Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), no município de Calumbi, Sertão do Pajeú. Foram adquiridos 6.700 mil kg de alimentos em um total de 22 produtos. Com o lucro estimado em R$ 26 mil, o programa vem ampliando à oferta de emprego e renda dos agricultores familiares da região.
            Os produtos adquiridos e distribuídos pelo PAA, beneficiam crianças ligadas a 10 instituições beneficentes de Calumbi, cadastradas no programa. “Essa ação tem gerado um grande impacto econômico e social para o setor agrícola, uma vez que, são adquiridos alimentos provenientes da agricultura familiar, comercializados a preços justos”, destacou o secretário de Agricultura, Aldo Santos.  Segundo o supervisor da Gerência Regional do IPA, em Serra Talhada, Tito Jota, os beneficiários do Programa Mãe Coruja Pernambucana também estão sendo contemplados com o PAA, que vêm reduzindo os casos de insegurança alimentar e nutricional, devido a qualidade dos alimentos ofertados.

Fonte: Núcleo de Comunicação do IPA
Revisão e Postagem: Setor de Comunicação e Arte do Programa Mãe Coruja Pernambucana
 

Atividades do Mãe Coruja em Salgadinho


       As seguintes fotos elucidam as atividades realizadas no Canto Mae Coruja em Salgadinho de acordo com a seguinte ordem estabelecida.
 - Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), por meio de uma palestra teórico-prática, ensina as mães corujas como fazer panetone com produtos da terra, mães de baixa renda, que por meio da elaboração desse produto podem fazer para revenda.
              
  


- Na seguinte foto observamos as mães corujas  estão no Círculo de Educação e Cultura (CEC),  em atividades  de confecção e trabalhos relacionados à saúde da gestante.



      - Nesta última foto, houve por parte da  Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SDSC)  e Mãe Coruja, a  semana do idoso se conversou com dois idosos da comunidade falando sobre  suas vidas.

 


Texto: Profissionais do Mãe Coruja em Salgadinho
Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana

Mãe Coruja em Jupi realiza encerramento do curso de customização de artefatos

 


        No dia 09 de dezembro de 2013 foi realizado o encerramento do curso de Customização oferecido pelo  Mãe Coruja em Jupi e ministrado pelo SENAI. As atividades tiveram duração de 10 dias, nos quais as 37 mulheres cadastradas no Programa Mãe Coruja Pernambucana e matriculadas no curso, confeccionaram artigos como sandálias, carteiras femininas, camisetas e sacolas.

          

         O Mãe Coruja  em Jupi vem construindo parcerias em busca da consolidação do trabalho  que visa o desenvolvimento social e uma melhor qualidade de vida através do acompanhamento das gestantes e de suas crianças menores de 05 anos, inserção à educação escolar e qualificação profissional.







 
        No evento de encerramento, além  da prefeita, tivemos a  presença dos representantes das   Secretárias de: Saúde  e Assistência Social  do município, a direção do SENAI ,  analistas de Educação Profissional do SENAI ,  CRAS ,  Coordenação de Atenção Básica, representação de ACSs  , a Coordenação  Pedagógica e professores, todos do Círculo de Educação e Cultura do Mãe Coruja,  a articuladora municipal e  profissionais  do canto do Mãe Coruja em Jupi .
Texto: Profissionais do Mãe Coruja em Jupi
Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana

Natal do Mãe Coruja em Maraial


    
 
 
         O canto Mãe Coruja em Maraial vivenciou a semana natalina do dia 16/12 ao 20/12/2013, com diversos tipos de atividades inteiramente voltadas para mães e seus familiares. Neste período,  tivemos oficinas  direcionadas para confecções de cartões, natalinos feitos por elas e oficinas para confeccionarem lembrançinhas e enfeites natalinos.
    Participaram as secretarias: Saúde, Educação, Ação Social, Cultura, Agricultura e órgãos como a FUNASA, e o Conselho tutelar do município, mostrando  com esta união  a possibilidade de se vivenciar um natal diferente com as famílias que fazem parte do Mãe Coruja em Maraial.
    No final deste período, no dia 20/12, tivemos apresentações de danças com alunas da professora Shirley, apresentação de um clipe mostrando as atividades realizadas no canto por todas mulheres cadastradas  no ano de 2013, conseguimos adoção de 20 cestas básicas para sortear entre as mesmas, falamos aos convidados sobre a importância em trabalhar em intersetorialidade, mostrando o fortalecimento do grupo e do Programa Mãe Coruja  em Maraial que veio para mudar vidas.
    Concluímos nossa confraternização com uma deliciosa ceia natalina.e muita música e fotos.




Texto: Profissionais do Mãe Coruja em Maraial
Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

A luz que emana de todas as crianças

 
 
Caros leitores e colaboradores do nosso blog:
 
    É com  grande satisfação que estamos publicando esta matéria, a nossa primeira  em 2014 recheada  de alegria e muita esperança, enviada por nossos profissionais  que lidam no dia a dia com cada mulher e com cada criança, nos 103 município onde o Mãe Coruja está implantado,  e que  nele estejam cadastradas. 
   Que a luz de  Ayhanny  Cecília e de tantas outras vidas que vieram e virão, sejam muito benvindas e nos ilumine, e nos dê forças para, neste ano de 2014, implantarmos mais e mais políticas públicas que garantam os direitos de todas as mulheres e  crianças pernambucanas.
 Parabéns  a todas as mamães em 20014 !
Setor de Comunicação e Arte do Programa Mãe Coruja Pernambucana
 
Ayhanny Cecília Pereira da Silva, cidadã cumaruense 2014
 

 

       Andrinys Maria da Costa Pereira mãe da pequena Ayhanny Cecília Pereira da Silva fazem parte do Programa Mãe Coruja de Cumaru/PE.
      A pequena Ayhanny foi a primeira criança do Mãe Coruja de 2014 de Cumaru, nasceu no dia 01/01/2014, no municipio de Caruaru, nasceu de parto normal , às 13h 27 min, pesando 3,740kg, com 58 cm, onde teve sua gestação acompanhada pelo Programa.
     Logo nas primeiras horas de vida o bebê foi amamentado. Sua mãe foi orientada a oferecer aleitamento materno exclusivo.
    Mãe e filha passam bem e desfrutam de muita saúde.



Texto: Profissionais do Mãe Coruja em Cumaru
Revisão e Postagem: Setor de Comunicação do Programa Mãe Coruja Pernambucana